O Monstro!

Quem ama o feio bonito lhe parece... já dizia minha mãe!
Hoje, sou um monstro! Antes, era uma pessoa maravilhosa...
Como diz meu amigo, Zé: "Confiando, morreu um burro"!
Nunca quis me apegar muito, pois sabia que um dia me viraria as costas por pouco, ou por muito... tudo depende da ótica de cada um.
Como eles dizem, é na hora dos problemas que conhecemos nossos "amigos". Se tudo o que acontece ao redor é uma preparação pro que vai acontecer amanhã, não passamos no teste. Graças a Deus! Temos que dar Graças a Deus por isso! Sou um monstro... um monstro! UM MONSTRO!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Homem morre quando deixa de Sonhar!

Por Um Fio