Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2009

Perdoar é Superar

PERDÃO!!!! Quantos de nós somos capazes de realmente perdoar? Quantos de nós sabemos o real significado desta palavra?
Conceder desculpas à alguém é muito mais do que lhe dar uma segunda chance...
Perdão é demonstração de grandeza quando de fato não guardamos rancor, quando de fato o assunto é esquecido; quando viramos a página e reescrevemos a história.
Aquele que é capaz de ato tão nobre, certamente vive melhor consigo mesmo e com outros.
Talvez este seja um dos sentimentos mais difíceis de se administrar... quem conseguiria perdoar o assassino de um filho? Um estuprador?
Difícil, muito difícil.
Mas, talvez seja ainda mais difícil conviver com sentimentos como ódio, repulsa, desejo de vingança... sentimentos tão negativos que nos impedem de crescer.
Podemos demorar uma vida inteira para compreender que o perdão nos edifica, mas quando finalmente isto se solidifica em nossas mentes, a vida parece fluir melhor. Livramos nossas consciências, abrimos as portas de uma possível felicidade.
Viver …

Amanhã é Outro Dia...

A vida é uma eterna montanha russa.
Cheia de altos e baixos; risos e lágrimas. Cada indivíduo tem suas dores, seus traumas, suas preocupações...
Difícil saber quando enfrentaremos obstáculos, pois não somos dotados de bolas de cristal.
O mais interessante talvez seja o fato de que podemos tirar proveito da dor... crescer com ela!
Analisar a vida como uma longa estrada em que não sabemos ao certo onde vai dar, mas sabemos que teremos muitas curvas no caminho e que em cada uma delas enfrentaremos situações peculiares; é poético; mas faz sentido.
Ganha muito mais quem aprende logo as lições que a vida traz do que aqueles que relutam em ver a imperfeição em si.
Temos a triste convicção de que sempre estamos certos, de que somos os donos da verdade; quando que na verdade nada somos, senão meros pó.
Possuímos inteligência, mas não dominamos com sabedoria...
Amanhã é outro dia... já dizia Scarlet O'Hara!
E é verdade!
Pra que ficar pensando no que passou?
Pra que ficar dando valor ao fracasso quand…

PRECONCEITO

Preconceito é algo que não deveria existir, visto que na verdade o que acontece é um pré julgamento daquilo que não se tem conhecimento.
Querer julgar alguém pelas roupas que veste, grau de escolaridade, cor de pele, religião é no mínimo falta de educação; pra não dizer: ignorância.
Todos somos dotados de capacidade, independente da classe social a que pertence.
O preconceito é, na minha humilde opinião, o maior causador de guerras e opressão que existe.
Porque não podemos tolerar as diferenças se cada um de nós somos únicos? Se cada um tem sua própria impressão digital??? Se cada um pode exercer seus dons de maneira peculiar?
O que nos possibilita crescimento humano são exatamente estas mesmas diferenças que muitas das vezes criticamos e julgamos.
Ninguém é dono da razão, ninguém é superior a outro por que estudou em Oxford ou na periferia. Ninguém é melhor ou pior a outro, visto que cada um de nós estamos sujeitos a errar e cometemos os mesmos erros seguidamente.
O verdadeiro abismo soc…

Futuros Delinquentes!

Anos atrás as crianças aprendiam Educação Moral e Cívica nas escolas. Acredito que esta matéria deveria voltar aos currículos escolares...
Visto que aprendia-se regras de conduta ética e também civil. Aprendia-se o Hino Nacional, respeito a Bandeira, às autoridades, ao patrimônio público.
Aprendia-se nas escolas o que hoje muitos pais tentam e não conseguem ensinar a seus filhos.
Hoje, cabe ao Estado alimentar o aluno... lembro do tempo em que a merenda escolar era pão com manteiga e ninguém reclamava disso. Hoje, o aluno conta com nutricionistas em algumas escolas e nada aprende, senão a degradar o patrimônio que a ele pertence.
Lamentável!
São escolas pichadas, com vidros quebrados, com alunos armados, agressivos e professores assustados...
O que estamos criando afinal? Futuros delinquentes? Creio que é isto...
Ir para a sala do diretor, há quinze anos atrás ainda era uma vergonha... hoje, é status!
É status ser o arruaçeiro, o que não leva desaforos para casa!
Creio piamente que está n…

A Lei Maria da Penha e Você!

A Lei que mudou o Código Penal Brasileiro entrou em vigor em 22 de setembro de 2006. Prestes a completar três anos, a Lei veio em auxílio das vítimas criando mecanismos mais relevantes de apuração e possível condenação dos agressores.
http://www.planalto.gov.br/ccivil.../Lei/L11340.htm
Neste link você poderá ler na íntegra a Lei Maria da Penha e seus dispositivos.
Existe hoje cinco formas de agressão contra a mulher:
Agressão FísicaAgressão SexualAgressão MoralAgressão PsicológicaAgressão PatrimonialA Lei permite que o agressor seja preso em flagrante e que terceiros também possam efetuar a denúncia. Foi criado o Ligue 180, onde a vítima recebe orientações sobre onde buscar ajuda especializada.As pesquisas demonstram que uma em cada cinco mulheres sofrem agressão no Brasil. Partindo do princípio de que a Lei por si só não funciona, é extremamente necessário que as vítimas denunciem. As autoridades não tem como advinhar quem está ou não sofrendo qualquer tipo de agressão a menos que a part…

Gravidez na adolescência

É cada vez maior o número de meninas que dão a luz nas maternidades do Brasil. Meninas que muitas das vezes deveriam estar brincando de bonecas e que trocam sua juventude e inocência por fraldas e mamadeiras.
Não é possível que ainda haja falta de informação! Não! Recuso-me a crer.
Numa sociedade globalizada, com o advento da internet, a pílula do dia seguinte, as campanhas do uso de preservativos... não!
O que há é um grande desajuste social das famílias!
Meninas cada vez mais jovens sendo mães antes do tempo... sem preparo físico, psicológico e moral. Mães solteiras que naufragam na ignorância do sexo pelo sexo, sem pensar nas consequências de seus atos. E querem culpar os bailes funks, e querem culpar os governos por suas irresponsabilidades. Será que não sabem é através do sexo que se perpetua a humanidade?
Não sabem que poderão chegar aos vinte anos com dois, três, quatro filhos nos braços? Que seus corpos deixarão o frescor da juventude muito antes do que deveria e que rugas de preo…

Lançamento do livro Cara de Leão.

Imagem

VENCENDO A SI MESMO

Não é preciso viver um conto de fadas para ter um final feliz!
O mal existe e isto é um fato; mas não podemos nos deixar contaminar por ele. Não há quem não sofra, quem não passe por dificuldades; quem um dia já não pensou em desistir...
Talvez o mais difícil não seja o mal externo e sim nossos próprios demônios. Aqueles que ficam martelando em nossas mentes que não vamos conseguir, que nada vai dar certo... esses são nossos maiores inimigos.
Vencer o mal interior é uma tarefa árdua! Diária! Constante!
Não há um dia em que não nos sentimos fracos, cansados, oprimidos...
Talvez por que seja mais fácil desistir do que seguir em frente; mas que valor tem a derrota senão a eterna sensação de fracasso???
Saborosa é a Vitória!
Aquela Vitória cheia de histórias pra contar... a conta negativa no banco, os empréstimos feitos a longo prazo, as lágrimas de desespero, as noites perdidas de sono, as contas que se acumulam, o carro que foi pra busca e apreensão, os tiques nervosos que se adquiriram no…

Do limão... Uma limonada!

Quando escrevi o livro Cara de Leão, não tinha noção do alto índice de casos de abuso sexual em nosso País. O Brasil junto com a Indonésia, são os países líderes em casos de pedofilia.
O que me espanta não são os relatos, pois sei que muitos sequer chegarão ao conhecimento do público... o que me causa repulsa é que vivemos num mundo globalizado em pleno século XXI e ainda permanecemos na primitividade de sentimentos.
Pergunto-me até quando fecharemos os olhos? Visto que não nos atinge, não nos incomoda...
Como não? Se vivemos em sociedade, logicamente nos atinge, sim!
A história que narrei no livro é baseada em fatos reias e não deixou de acontecer... eu, você, alguém do seu meio de amigos, já ouviu ou vai ouvir falar de algo parecido.
Mas, até quando? Até quando seremos coniventes?
Quando deixaremos de vestir a máscara da hipocrisia, que finge que nada vê, nada sabe, nada ouve?
A "Alice" do livro Cara de Leão se calou... por medo, vergonha, solidão! E nós???
Porquê nos calamos?

O palco da vida.

As vezes ficamos prostrados diante da vida como se ela fosse uma enorme tela de cinema.
E se pensarmos bem, talvez seja. E nós somos os atores principais...
Percorremos caminhos estranhos, conhecemos pessoas, buscamos coisas... estrelamos um filme cujo nome é EM BUSCA DA FELICIDADE!
Pois o homem pode ter fortunas, pode escalar montanhas, pode inventar coisas para seu próprio deleite, mas se não for feliz, nada vale.
Qualquer coisa vale a pena quando se está feliz. Um prato de arroz com feijão; dividir um ovo para cinco... contar moedinhas para o pão! Não importa!
A felicidade é algo que contagia, que elimina o pessimismo. Quando estamos felizes; dificuldade não existe! Nos sentimos poderosos, cheios de si!
A vida é uma tela de cinema e nós somos os atores. Se existe um roteiro, o autor é Deus. Pena que o final do filme é a morte... Uma grande sacanagem, visto que quando começamos a entender as coisas, quando começamos a aprender realmene o bom de viver... apaga-se a luz e fim! Mas o que fica …

Pedofilia!!!!

Falar de abuso sexual infanto-juvenil é antes de mais nada falar de covardia. Pois que outra palavra poderia definir alguém capaz de usar uma criança para saciar seus desejos bestiais? Que outra palavra poderíamos usar para alguém que se esconde nos meandros da lei, como doente mental para ficar impune aos seus delitos sexuais???

E ainda existem aqueles que acusam a vítima de serem responsáveis por tal fato ter ocorrido.

As notícias estão ai... nos jornais, revistas, noticiários de TV, rádio, internet. Casos e mais casos que nos assombram cada vez mais, não somente pela recorrência, mas também pela impunidade.

CPIS que se arrastam, enquanto mais casos são noticiados.

E aqueles que nunca saberemos? Pois existem pessoas que temem muito mais o escândalo do que o abuso em si... e são estas pessoas que contribuem para o aumento de fatos assim. Pessoas que se omitem por vergonha, por medo, por falta de informação e apoio.

É inconcebível que em pleno século XXI ainda exista este tipo de coisa.
A …

O Inferno são os outros...

"Não há necessidade de grelhas, o inferno são os outros"... já dizia Jean Paul Sartre, pensador.
É uma grande verdade! Existem pessoas que fazem questão de apontar os erros dos outros, esquecendo dos seus. Como se elas fossem perfeitas, castas, acima do bem e do mal.
Exitem pessoas que sentem prazer infernizando as vidas alheias e não percebendo que com isso suas próprias vidas definham.
São pessoas que passam pela existência humana sem nada de bom acrescentar ao universo. São aqueles por quem devemos orar e interceer por suas pobres almas. São seres pequenos demais... mesquinhos, que independem da classe social em que vivem. Pobres de espírito!
Não devemos nos deixar contaminar por seu veneno, sua capacidade de destruir a felicidade alheia.
Só fazem conosco, aquilo que permitimos fazer...
Podemos ficar acima disto.

SOMOS AQUILO QUE PENSAMOS SER.

Somos aquilo que a nossa mente nos permite, aquilo em que acreditamos.
Podemos ser fortes ou fracos, ricos ou pobres, negros ou brancos, felizes ou não.
Podemos ser uma infinidade de coisas; podemos até não ser nada... vai de cada um.
Na verdade, a grandeza do ser humano não está naquilo que ele é; e sim, naquilo que ele acredita ser! Pois a mente nos possibilita sonhar!
É do sonho que nascem os projetos... é do sonho que vive o homem. Todos nós sonhamos com algo... vivemos com a possibilidade de um dia realizá-los.
Somos feitos de asas invisíveis com as quais ainda não aprendemos a voar.
Não importam os fracassos, as lutas, os obstáculos... importa a linha de chegada!
Somos todos iguais. O que nos diferencia é a mente! A maneira como pensamos, como enfrentamos nossas adversidades, como nos portamos diante dos problemas e encontramos as soluções. A cada dia, um recomeço. A cada dia, novas barreiras! Mas a maneira com que pensamos a respeito de cada pedra no caminho, pode ser a chave mestra pa…

Ser Mãe!

Ser mãe é padecer no paraíso... dizem por ai!!!
Talvez seja uma das tarefas mais árduas de uma mulher. Mais do que gerar e conceber um filho, o fato de educar, aconselhar, alimentar, ouvir, repreender, preparar para a vida; é muito mais difícil do que apenas SER MÃE!
São múltiplos papéis que se confundem numa única denominação...
São elas que recebem a tarefa de plantar nas mentes de seus filhos, boas sementes para o futuro.
Mulheres que vêem seus corpos transformarem-se na gestação, felizes, sonhadoras, altruístas... que se emocionam ao ouvir o primeiro choro, a primeira risada. Que ficam com cara de bobas admirando suas crias dormindo ou correndo pelas ruas.
Mulheres que abdicam de seus sonhos para que seus filhos possam sonhar um dia...
Enfrentam dupla jornada de trabalho, trânsito infernal, dores de cabeça, enjôos, sacrifícios.
Mulheres que aos olhos dos filhos são heroínas... tudo podem, tudo conseguem!
Talvez seja esta a recompensa... o olhar admirado de um filho! Talvez seja isto o q…