Inquietações!

Estamos nos aproximando do dia dos pais. E acredito que nunca antes sentimos tantas inquietações em nossas famílias. Somos assombrados por crimes familiares cada vez mais horrrendos e estarrecedores. Estamos perdendo nossas crianças para as drogas, para os pedófilos, para o submundo da humanidade. Fala-se dos agressores, fala-se das punições, mas pouco ou quase nada se fala das vítimas. Fico me perguntando, até quando? Nos preocupamos com a alta do dólar... mas somos incapazes de nos preocupar com as nossas vítimas a menos que nos atinja diretamente.
Imagino quantos pais terão de fato um dia agradável em família.
Estamos perdendo o sentido da palavra Família!
A família é o núcleo básico das relações humanas, é a célula máter da sociedade.
É na família que começamos e aprendemos a nos relacionar com as pessoas. Uma
família ajustada e equilibrada formará indivíduos saudáveis e felizes para a vida social. Pelo menos, assim deveria ser...

Então, podemos suscitar a hipótese de que estamos doentes? Que estamos criando pessoas doentes?
As famílias estão doentes?
Pode ser... mas na verdade, são as maiores vítimas.
Pergunto-me como e onde poderíamos cuidá-las.
Existe a urgência do antídoto familiar!
Nossas inquietações são fruto da desestabilização social, emocional, institucional, moral e espiritual da estrutura familiar. Pais cada vez mais jovens e despreparados, dão origem a "pseudo famílias" cada vez mais desagregadas. Não há limites, não há orientação. Crianças que dão a luz a crianças que se tornam adultos pulando etapas!
Vivemos no imediatismo de muita informação,mas quase nenhum conhecimento.
Educação sem cultura... vida por viver!
Mas resta-nos torcer para que este dia em especial seja um início de uma nova era!
Torcer para que neste dia dos pais, muitas famílias se reencontrem, se abracem, se gostem!
Tenham real prazer em estarem juntos.
Família é nada mais nada menos que a base para qualquer ser humano.
Inquietos ou não, resta-nos acreditar que mesmo em meio a tantas notícias ruins; haja muitos abraços sinceros e sorrisos de alegria.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Homem morre quando deixa de Sonhar!

Por Um Fio