Vozes que Ecoam!

Uma voz que ecoa sozinha apenas incomoda...
Mas ao levantar a voz, gritamos nossa indignação
Revelamos ao mundo que não consentimos.
Não somos do mesmo pensamento!
Podemos não ser muitos, os que gritam
Os que ousam... mas estamos lá; gritando!
Falando em plenos pulmões o quanto estamos insatisfeitos!
Não ficamos mudos diante das injustiças, das atrocidades, dos lamentos.
Não emudecemos diante da corrupção, dos desaforos, dos enganos.
Levantamos a voz e dizemos o que nos punge a alma.
A voz que ecoa incita outras...
E várias vozes juntas ficam fortes
Incendeiam toda a aldeia...
Pior é ser conformado no ostracismo cínico da omissão!
Pior é saber que poderia ter feito algo e não o fez!
Mesmo que a voz se canse, que um dia se cale,
Não importa!
Um dia suscitou a dúvida!
Um dia fez com que alguém mais refletisse e também ousasse!
Nada é em vão!
Quando se crê em justiça, não se fala em vingança...
Quando se quer a igualdade, vale a pena gritar em altos brados!
O mundo é feito disso: Gritos!
Vozes que ousaram, que despertaram outras vozes!
E é no poder das palavras que encontramos as soluções!
Palavras de ordem, de fibra...
Vozes que ecoam nas ruas, vozes que ecoam no tempo
Vozes que ecoam na vida, vozes que ecoam na alma!
Juntas ou separadas... na mesma causa ou não!
Vozes que ecoam para criar uma Nação!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Homem morre quando deixa de Sonhar!

Sobre Abraços...