Não Sabe Nada...

Você não sabe a minha dor
Não sabe os meus espinhos
Não conhece o meu amor
Nunca me deu carinho...

Você não sabe da alegria
Que invade o meu ser
Nem sabe da agonia
Por seu amor, nunca ter!

Tanto faz se é noite ou dia
Neste coração tão traiçoeiro
Sua voz é melodia
Seu olhar é zombeteiro!

Ando tão triste e sozinho
Nada me dá prazer
Como um pássaro sem ninho
Fico pensando em você!

Que não sabes nada de mim
Que não consegues me ver
Que nunca me diz que "Sim!"
Por não conseguir me entender.

Tentei evitar
Tentei esquecer
Tentei não te amar
Tentei não querer!

Tentei não chorar
Tentei não sentir
Tentei bloquear
Tentei não
mentir!

O amor não se apaga
O amor não se inventa
O amor é uma praga
Que ao tolo acalenta!

Mas você não sabe nada
Você sequer percebe
Do amor... a limonada
Que o tolo aqui se serve!

Quantos anos desperdiçados
Num sonho sem fantasia
Esperando ser amado
Vivendo de hipocrisia!





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Homem morre quando deixa de Sonhar!

Por Um Fio