Vem

Vem!
Caminha comigo
Vem ser mais que amigo
Vem ser um pouco de mim.

Vem, diz que sou teu abrigo
Que sente o que eu sinto
Que vai até o fim.

Vem!
Desnuda meu corpo
Refaz o teu ninho
Entra num abraço
Ocupa o espaço
Preenche o vazio.

Vem!
Cavalga comigo
Não pensa em mais nada
Faz-me tua mulher
Faz-me tua amada!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Homem morre quando deixa de Sonhar!

Por Um Fio