Era Uma Vez...

Era uma vez... um amor!
Tão doce, tão forte, tão meu
Que eu queria que também fosse seu!
Assim, bem de mansinho
Inteiro, todinho
Mas que no meio do caminho
Entre tantos descaminhos, 
O pobrezinho se perdeu...

Era uma vez... um amor!
Tão delicado, tão sincero
Tão incrível e singelo
Que o mundo admirou...
O amor que eu sentia
Que você tanto queria
E que a vida rejeitou.

Era uma vez...
E por ter sido apenas uma
Não teve um talvez
Se tivesse mais alguma
Seria apenas uma
O amor que a gente fez!


Era uma vez... um amor de mentirinha
Que por você, eu sentia
E que vento desfez!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Homem morre quando deixa de Sonhar!

Sobre Abraços...